Como pegar um gambá.

"Não adianta nem argumentar porque não vou me mudar daqui."

Depois de pesquisar no Google, alguns internautas acessaram o blog querendo saber como capturar um gambá. Imagino que um dos meus parentes deve estar aborrecendo a vida de alguém por aí.

O gambá, depois dos ratos, é o mamífero mais bem adaptado aos centros urbanos. Como é esperto, já aprendeu que no lixo encontra alimento de qualidade e suficiente para não ter que correr atrás de insetos ou ficar pendurado em árvores procurando suas frutas preferidas.
Mas, esse comportamento tem incomodado os humanos, que não querem ver seu lixo revirado e nem dividir o lar com o marsupial esquisito.
Por causa disso e por desconhecer os hábitos do gambá, as pessoas tem buscado alternativas desastrosas para acabar com o problema, usando veneno para ratos, pauladas e outros métodos ainda mais cruéis.
Para evitar que o simpático animal sofra agressões dessa natureza, ligue para as autoridades ambientais e peça ajuda. Se começarem com o jogo do empurra-empurra, tente então a minha sugestão.

"Armadilha de gaiola: boa para o gambá e segura para o Homem."

Uma solução eficiente e segura para os dois lados é construir uma armadilha de gaiola (foto), utilizando madeira, pregos e tela de arame, comprados com facilidade em qualquer loja do ramo.
A estrutura é simples. Dentro da gaiola preso ao arame há um pedaço de carne, o animal incentivado pelo cheiro do petisco entra e começa a comer, aciona o mecanismo que solta a trava da porta, e então a gravidade faz o resto. É só armar perto do lixo ou lugar que deixou rastros.
Eu mesmo já perdi as contas de quantas vezes caí nessa da foto.
As medidas são: 50 cm de comprimento, 30 cm de largura e 30 cm de altura.

Veja aqui mais imagens da gaiola.


E o mais importante. Já que pegou o gambá, o que fazer agora?

Cubra a caixa com uma toalha, leve imediatamente para alguma área de mata atlântica ou nativa de sua região e solte nosso amigo para que possa ir cuidar de sua vida, em seu ambiente natural. Lembre-se que manter animal selvagem em cativeiro sem autorização, é crime ambiental.
Não deixe que fique muito tempo na armadilha, mas se for preciso, alimente-o com frutas e coloque água.
Não maltrate, não assuste, não balance e nem bata na caixa, não faça nada que o deixe estressado.
Se estiver acuado pode ser perigoso e sua mordida possui risco de causar infecção.

Veja como fazer:


O melhor para todos é manter tudo como está, mas se não der, faça do jeito certo.

Obrigado pela visita e aproveitem para conhecer o Blog do Gambá de Blumenau.

184 comentários:

alexandre disse...

ótimo texto
muito legal essa armadilha
vou experimentar fazer uma

fabio2paolini disse...

Bom Site, tenho um desses bichinhos no forro de casa. Não me incomodo com ele própriamente, o problema é que o bicho vai fazer as necessidades dele no forro de casa além de soltar pelos e tudo mais.

Vou fazer a gaiola amanhã, tomara que dê resultados.

Valeu

Gambá disse...

Tem razão caro Fábio, em certas ocasiões admito que meus parentes podem incomodar. Mas garanto, nossa sujeira é menor do que a de muitos humanos insanos por aí. Então quando capturar nosso amigo garanta sua liberdade o mais breve possível e não deixe que ninguém o maltrate.
Afinal como nós, ele só quer sobreviver nesse mundo selvagem.
Uma dica. Para fazer a porta da gaiola use uma tábua de madeira dura, porque são mais pesadas e fecham mais rápido.
Uma abraço do Gambá de Blumenau

Anônimo disse...

Dilson Eu to querendo Faze Uma !!!! Mas Esse Site Não Mostra Os Principais Detalhes como (quantos pregos a madeira boa e etc

Gambá disse...

Caro Dilson... Alguns ítens ficam por conta de cada um. A madeira pode ser qualquer uma mesmo, como por exemplo aquelas que sobraram de alguma construção qualquer. O ideal é que pelo menos estejam limpas e obedeçam o tamanho indicado. Os pregos tem que obedecer a largura da madeira, como em qualquer íten de marcenaria.

Qualquer dúvida comente que tento ajudar.

Abraços do Gambá.

Anônimo disse...

adorei a armadilha eu peguei dois e soltei no mato.

Anônimo disse...

maravilhosa a armadilha,tinha 4 encima do telhado mas sairam de lá.

Gambá disse...

Valeu anonimo...o mais importante é isso, soltar o nosso amigo no mato para que ele vá cuidar de sua vida...abaços do Gambá de Blumenau

Eduardo disse...

Olá!

Eu li o texto e resolvi fazer a armadilha com o meu pai. E deu certo! Pegamos o meliante.
Antes de solta ele eu cobri a caixa pra não assustar o bixo. Ainda assim ele rosnava bastante.
Levamos ele para um local bem longe de casas.
Na hora de soltar no mato ele não queria sair, mas, fazendo da armadilha um divertido tobogã para a liberdade, ele finalmente saiu e desapareceu rapidamente no meio do matagal.

Valeu a dica! Vou repassar o link.

Abraço!

Gambá disse...

Caro Eduardo: Que bom que você resolveu seu "problema" aceitando a minha sugestão. A armadilha é perfeita para capturar o gambá sem feri-lo e nem oferecer perigo a vocês.

O rosnado é tipico dele. Rosna geralmente quando se sente acuado.

Quanto ao sair da caixa, eles são assim mesmo, pois ainda estão um pouco assustados e acabam se fingindo de morto. Realmente é só fazer o pequeno tobogã que ele sai tranquilamente.

Obrigado a você e seu pai por solta-lo em local adequado e não maltratar o bicho.

Abraços do Gambá de Blumenau.

ísis disse...

temos que cuidar do gambá para ele
não passar para a estinção,cuando fui voltar para a minha casa
de uma pizzaria(de noite)eu vi um
e seu ninho em sima do muro da
minha casa.

ísis disse...

um gamba é um ser vivo devemos cuidar do nosso velho amigo

Gambá disse...

Obrigado pelo carinho Isis...O gambá, como todo animal, tem seu direito a vida...
Abraços do Gamaba de Blumenau....

Gambá disse...

Caro anonimo...agradeço por seguir as instruções e ter soltado os gambás em uma "mini-floresta"...o rosnar é típico dele, faz para intimidar seus predadores, bem como fingir-se de morto o que pode ser visto neste vídeo..

http://www.youtube.com/watch?v=i2-rSWcBc4c

Abraços do Gambá de Blumenau

Anônimo disse...

Vim procurar ajuda aqui p q apareceu um gambá em cima do muro da minha casa. Curioso q ele tinha a cara rajada de preto e branco, nunca vi coisa igual, assustador. Chamei os Bombeiros, mas eles vieram tão despreparados q o bicho subiu numa árvore e sumiu. Agora vou tentar a gaiola pra ver se consigo pega-lo.
Mas ñ é o gambá q me assusta e sim os erros de ortografia da Isis. Querida, "quando" escreve-se com "q" e não com "c". Voce escreveu: "cuando", isso ñ existe.
Sem contar q escreveu também: "em sima do muro", q horror!!!! Voce, certamente, queria dizer: em cima do muro. Me ajudaaaaaa Isis, o q é isso? Fugiu da escola? Ja ouviu falar na língua portuguesa? Pois é meu bem, vamos ler, vamos estudar, ne?
Ah, obrigada pela dica da gaiola, valeu!!!

Raquel

Gambá disse...

Querida Raquel...obrigado pela visita. Agora....não se assuste com o gambá, pois ele não irá atacar porque em qualquer sinal de perigo o nosso amigo deve fugir.

Anônimo disse...

Muito legal mas ainda não entendi como faz para ela desarmar............

Anônimo disse...

Este indivídui está dizimando minha criação de pombos correios, só preciso agora saber qual é o esquema para ela desarmar.......
Valeu carinha.......
Claudinei S.P

Gambá disse...

Caro Claudinei...para desarmar a armadilha enrole um pedaço de fio em forma de oito na tela de arame, sendo que uma parte fica para cima e outra para baixo. A parte superior fica conectado ao cabo de madeira e parte inferior é ligada ao petisco que vai atrair o animal. Prenda bem o alimento na parte de baixo e deixe a parte de cima presa bem levemente. Ao mexer no alimento, o animal deve então soltar a porta.

Sei que você deve estar irritado pelos pombos, mas não desconte no nosso amigo. Ele está apenas tentando sobreviver. Quando pegá-lo, não o maltrate, não desconte sua raiva nele. Leve para alguma mata nativa da sua região e solte em algum lugar para que não possa mais causar problemas.

Abraços

Anônimo disse...

Muito obrigado pela resposta, agora entendi legal........
Quanto ao gambá fique tranquilo, nem penso em faze-lo mal, aki na região tem muita mata nativa, ele já tem um destino certo, só espero que ele goste de outros pratos além de pombos........
Cara muito legal este trabalho que vc faz, parabens......
Te falo se der certo valeu!!!!!!!!!
Claudinei

marcobala disse...

Valeu amigo,

Peguei o danado e soltei numa área de mata.

O que peguei aqui era quase maior que um gato.

Se quiser mando fotos do animal e da armadilha, fiz o engate um pouco diferente,

valeu

Gambá disse...

Caro Marcobala....que bom que tudo funcionou direitinho e obrigado por você ter solto o Gambá em seu ambiente natural...
Quanto as fotos, ficarei muito contente se você mandar as fotos dele e da armadilha...Tenho a intenção de publicar um post com essas fotos para mostrar como os visitantes fizeram suas armadilhas...um grande abraço

Gambá disse...

Caros visitantes....Se alguém tiver fotos de gambás e armadilhas ficarei muito feliz em recebe-las...um grande abrço do Gambá de Blumenau.

marcobala disse...

Amigo gambá,

tem um email disponível p/ enviar a foto?

obrigado pelas dicas

Gambá disse...

Caro Marcobala, o email é:

ogambadeblumenau@gmail.com

marcobala disse...

Valeu amigo,

Postei lá se alguma servir sinta-se a vontade p/ usar.

Anônimo disse...

Tinha um gambá morando no forro da minha casa. Não me deixava dormir. Ele estava cruzando com um macho aqui no forro. Tinha dia q ele espirrava, como se estivesse gripado. Horrível. Fiquei uma semana sem dormir... fiz uma arapuca, e nesse exato momento peguei o bicho. Amanhã o caseiro aqui do sítio vai jantar ele!!!

Gambá disse...

Caro anonimo...o objetivo desse post não é ajudar pessoas a matarem o pobre animal, mesmo que ele tenha incomodado um pouco... já que é um sítio, deve haver algum lugar onde ele possa ser solto, sem que retorne a sua casa...Agora, se vão realmente assar e comer, espero que pelo menos de uma engasgadinha...
Abraços do Gambá de blumenau

MarcoBala disse...

Caro amigo,

Peguei outro e irei soltar no mato, só alterei a armadilha colocando um chão de zinco p/ limpeza como um tapete no formato de bandeja.

Achei estranho o comportamento dos 2 animais o primeiro ficava quetinho, fingia de morto e exalava cheiro já o último era agressivo rosnava e tentava morder e mostrar os dentes, não sei se o comportamento é típico do sexo do animal...

Vou mandar algumas fotos do último, fique livre p/ aproveitar

Gambá disse...

Caro Marcobala... A ideia da chapa de zinco é muito boa, pois facilita a limpeza.

Quanto ao comportamento dos dois, é normal. É típico deles (femeas e machos)se fingirem de morto ou rosnarem sem parar. Fingir-se de morto mostra que é um animal muito inteligente, já o rosnado é uma forma de intimidar seus predadores.

Se puder mandar as fotos, agradeço.

Abraços do Gambá de Blumenau.

Luciana disse...

Eu ja tinha tenmtado de td pra pegar uma familia inteira de gambas que apareceram aki na minha casa, meu marido ja fikou uma noite inteira esperando pra ver se ele ia cair na armadilha que fizemos com um latão, um caja e um barbante, mas num vacilo dele, o gamba veio puxou o barbante e levou o caja, vou fazer a gaiola e torcer pro esperto animal cair né?
Há detalhe, me mandaram colocar pinga, que ele ficava bebado e ai levariamos pra roça, mas, ele bebeu td, duas vzs e nem sinal, no outro dia ele ta na area de novo comendo e passeando...

Gambá disse...

Cara Luciana....em algumas ocasiões nosso amigo gambá é realmente muito esperto. Pode fazer a armadilha que vai dar certo. Coloque um pedaço de carne bem suculento que ele vai entrar. Quanto a pinga, é melhor ter cuidado, pois ele pode ficar agressivo. E não se esqueça de soltar o bicho em algum lugar longe da casa e assim ele não voltará mais. Boa sorte e abraços....

Meyre disse...

Oi cara meu nome é Gama,moro em Caldas novas-GO, ja não me lembrava mais da gaiola, OBRIGADO pela dica, agora eu pego o garoto numa boa ´para solta-lo na mata. um abraço.

Gambá disse...

Valeu Gama...obrigado por soltar nosso amigo....

GILVANI disse...

ola nao pude deixar de ler essa materia, Achei muito interessante, essa ideia de pegar os gambas e soltar na mata , o problema é que se vc soltar o animal nessa mata . Ele nao vai mais se alimentar de seu lixo mas sim de de aves ,ovos ,e outros animais, destruindo o ecossistema de onde vc o soltou.E por isso nao e aconselhavel a soltura desses animais por pessoas nao capacitadas .NAO SOLTE. LIGUE PARA O IBAMA POIS ELES TEM AREAS DESTINADAS A ESSE TRABALHO. obrigado pela atenção , até mais.

Gambá disse...

Caro Gilvani...antes de tudo obrigado pela visita ao blog. Quanto ao soltar o gambá na mata não vejo problemas nisso, já que o bicho é natural em toda américa. Ele realmente vai se alimentar de ovos, pequenos pássaros e insetos, mas é assim que as coisas funcionam na natureza, além dele mesmo servir de alimento a outro predador. Chamamos isso de "cadeia alimentar". Ligar para o Ibama tbm é uma boa idéia, mas acho difícil eles atenderem o chamado por causa de um simples gambá. Abraços e até mais.

Lore Ctba/PR disse...

Adorei ler seu texto! Hoje eu e meus pais capturamos um gambá que estava escondido dentro do motor do carro...e o soltamos na Mata Atlantica, no início da Serra do Mar! É mesmo um animalzinho muito valente e inteligente!Ele era enorme, do tamanho de um gato doméstico! Muito boas suas dicas...vou divulgar aos meus conhecidos!!

Gambá disse...

Querida Lore...Obrigado pela visita e por tratar tão bem o nosso amigo. Pessoas como vocês mostram que os animais ainda podem confiar nos humanos. bjs. Ahh. Obrigado pelo valente e inteligente. Ganhei meu dia.

Anônimo disse...

Caro amigo, hoje apareceu um bichano no telhado de casa, a principio pensei que fosse um rataooooo e agora pela foto percebo que era um gambá. Eu que estou com medo do bicho, ele estava meio esquisito, parecia doente (ou ele é feio mesmo!)o meu receio é ele querer fazer do telhado, sua casa e atacar meu caozinho. Tomara que ele vá embora, mas se não for, ai meu Deus! agredi-lo, não vou. amanha eu conto o final (ou início desta história. Conheci um Gambá...rs
Dory_RJ

Gambá disse...

Dory...não tenha medo, o nosso amigo não vai atacar seu cãozinho. Ele provavelmente está mais assustado que você. O ideal é tentar fazer a armadilha, se não conseguir uma sugestão é colocar alimentos (bananas ou um pedaço de carne)no lado de fora da casa e depois fechar o lugar por onde ele entrou (saiu). Boa Sorte e depois diga como foi. Abraços do Gambá daqui.

bruna disse...

bom, como não sei o q fazer vou pedir a sua ajuda, pois axo q vc poderia me dar uma luz. tenho 3 cachorras na minha casa, e elas acabaram matando uma gambá femea, mas o problema é q ela tinha cerca de 8 filhotes, depois do ataque apenas 3 restaram com vida, mas eles são muito pequenos, ainda estão com os olhos fechados e nem possuem pêlos.. eu os coloquei em uma caixa de papelão forrada com panos e tentei dar leite a eles com uma seringa, mas são muito pequenos.. não sei o q fazer!me ajuda? to com pena dos bichinhos..

Gambá disse...

Cara Bruna, desculpe não responder antes pois estava viajando. Sua situação é muito difícil. Se eles são ainda tão novos (nem abriram os olhos ainda) provavelmente não vão sobreviver. O que aconselho é continuar forçando o leite com a seringa e mante-los aquecidos. Boa sorte.

Atinel disse...

Que idéia maravilhosa, preciso capturar uns 20 gatos proximos a minha casa, mas é impossivel são bichos do mato, eu alimento eles, mas estão procriando muito, é muito gatinho, se eu conseguir capturá-los com essa arapuca poderei levá-los num veterinário, castrá-los e colocar para adoção, vou pedir para o sindico do condominio fazer, será que eles não se machucam ao fechar a porta? Pq tem gata gravida e jamais quero ferí-la. Estou feliz só na possibilidade de poder pegar os gatinhos e acabar com a vida triste que eles estão tendo. Obrigada pela dica moço!!

Gambá disse...

Atinel...nunca testei a armadilha para pegar gatos, mas nao custa tentar. Faça um teste e depois me diga como foi. Obrigado pela visita e abraços.

Atinel disse...

Meu caro, tu deves registrar essa arapuca com um nome logo, acredita que eu consegui capturar os 20 gatinhos? e mais... um belo gambá, que foi solto claro. Faziam 4 anos que tentavamos pegar os animais para castrar e sem sucesso! Estou muito feliz em salvar esses bichinhos, muito fácil em apenas 1 semana peguei todos!! Obrigada pela dica.

Gambá disse...

Querida Atinel...que bom que tudo funcionou como esperado e obrigado por soltar nosso amigo...A armadilha das fotos foi feita pelo meu avô e deve ter mais ou menos 40 anos. Infelizmente perdi ela na tragédia que ocorreu em Blumenau em novembro de 2008 (foi embora com o rio). Já fiz uma nova e fico feliz em mostrar a todos como se faz. Só espero que todos façam bom uso soltando os animais capturados, ou como no seu caso, para pegar gatos domésticos e castrá-los. Grandes abraços e até mais... Ps. Se puder, mande fotos para eu ver como ficou.

Anônimo disse...

Ola... estou com um gamba indo todo dia no meu quintal mexer nas coisas e lixo. Ontem pela primeira vez de deparei com ele... frente a frente. Peguei uma vassoura e ele não se assustou apenas abriu a boca e queria era me pegar eu acho. Demorou para ele sair e fora o mal cheiro que deixou. Agora vou ver se faço a armadilha pra espantar este visitante. Abraços, Michele São Bernardo do Campo

Gambá disse...

Querida Michele. Realmente meus amigos não são fáceis. Sugiro manter o lixo acondicionado em latões e bem tampados (coloque uma pedra em cima da tampa). Quanto a te atacar, acho muito difícil. Ele abriu a boca porque se sentiu ameaçado, é está tentando um blefe. Eles são bem medrosos (mas também não facilite). A armadilha funciona, mas lembre-se: Não maltrate o pobre bicho, pois ele está apenas tentando sobreviver. Abraços e boa sorte.

Anônimo disse...

Oi!
Gostei deste espaço. Gostaria de relatar minha mais nova esperiência.
Tive conhecimento de que havia uma família de gambá na casa da minha visinha e que eles tiveram cria.
Ontém a noite, recebi a visita de um gambá adulto e logo depois um filhotinho.
Não os vi de perto, eu estava olhando pela janela e os vi no jardim.
A Marta, nossa gata, não entendeu nada, mas não o atacou.
O adulto parecia estar com fome pois roia uma folha seca de uma planta do jardim. Quando sentiu minha presença, correu e subiu no pinheiro, logo depois , passou entre a grade do portão um bichinho parecendo um ratinho branco, cheirando o chão e então subiu no pinheiro também e ficou lá.
Hoje pela manhã, já não estavam mais lá.
Estou tentando contato com o ibama para que venham resgatat os bichinhos, pois sei que tem visinho incomodado com a nova família, caso não consiga farei a armadilha.
Obrigada pela dica.

Gambá disse...

É isso aí, caro visitante anonimo. Se seguir minhas dicas tudo dará certo. A Marta não atacou pois sabe que pode se dar mal, afinal esse animal é desconhecido para ela. Voce relatou um ou dois filhotes, mas pode haver mais. Mantenha os lixos tampados (se possível com uma pedra em cima ou algo para que eles não possam abrir a tampa) e eles provavelmente seguirão o seu caminho. Qualquer dúvida entre em contato. Boa sorte.

vanessa disse...

MEU CACHORRO MATOU UMA GAMBÁ COM FILHOTES, SALVEI 5, MAS NÃO SEI O QUE FAZER COM ELES, ALGUÉM CONHECE QUEM CRIA ESSE BICHO? MEU EMAIL É VANESSAOAGUIAR@HOTMAIL.COM.

Anderson disse...

olá, tem uns lagartinhos filhotes aqui atraz de casa, uns teiúzinhos, e estao maltratando eles, eu queria pegalos e soltar em outro local, será que se fizer uma armadilha dessas em miniatura terei sucesso em pegalos? desde ja, obrigado

jacaré disse...

não entendi a parte da porta?

Pedro disse...

Olá amigo Ganba de Blumenau,fiz a armadilha para o Gambá,já peguei dois filhotes,tamanho médio,mas eu acho que tem mais, pois ainda continua barulho no forró.Coloquei a armadilha,mas eles não estão vindo na armadilha.Será que é o tipo de isca que eu estou colocando que não esta chamando a atenção deles,preciso de uma dica.

Gambá disse...

Caro Pedro..Você está no caminho certo e agora deve ter paciência. Para ter melhores resultados coloque um isca suculenta e cheirosa, talvez um pedaço de carne ou linguiça. Espere que eles virão. Depois de pegos lembre-se de fechar as entradas do forro de sua casa com madeira ou tela e assim eles não o incomodarão mais. Ah, seja um bom humano e solte-os depois sem machucá-los. Abraços

Alessandro disse...

Já faz um tempo que li este post aqui, estava até pensando em construir o tal aparato... Mas ne foi preciso... Acordei esta noite as 2:00 com um barulho no criado-mudo que fica abaixo da janela, ao lado de minha cama. Acordei meio que assustado, pensei ser eu mesmo quem havia feito algum movimento com o braço e batido em algo... Abro o olho e vejo um vulto sob o criado. Pulo da cama, acendo a luz e me deparo com um gambázinho de poucos meses todo faceiro lá. Depois de muito pensar, peguei uma caixa de sapato e fui a captura da criatura (que a esta altura já estava mais assustado que eu) A principio ele não colaborou, ficou se escondendo... Depois que eu tirei tudo do quarto e ele ficou exposto a luz ai sim o bicho se desesperou... Subiu na cortina, ficou todo enrrolado por dentro dela... Abri a cortina bem devagarinho e antes que ele subisse no guarda-roupas (ai seria foda pega-lo) eu dei um "totó" na cortina e ele caiu dentro da caixa... Fiz uns furos nelas, deixei fora da casa e enfim voltei a dormir... Agora vou leva-lo até alguma mata por aqui para que o intruso possa seguir sua vida... Mas tem mais gambás ainda... Quando ele estava dentro da caixa, ficou fazendo uns barulhos, e rapidinho o outro apareceu e ficou se comunicando com ele. Até fiquei na campana para apanha-lo também mas ele não veio. Vou fazer a armadilha. Obrigado...

Gambá disse...

Caro Alessandro...Gostei muito do seu relato e acredito que acordar as duas da manhã para pegar o meu pequeno amigo tenha sido, no mínimo, uma aventura divertida. Você menciona a possibilidade de haver outros e se tratando de um filhote é provável que sim, e inclusive, a mãe deles deve estar por perto. A armadilha deve ser eficaz para pegá-los. Parabéns pela sua atitude de soltar os nossos amigos, mostrando que pelos algumas pessoas, se preocupam em deixar os gambás e outros animais seguirem sua vida. Se precisar de outras informações, entre em contato pelo email que terei prazer em responder. Um grande abraço do Gambá de Blumenau.

Alessandro disse...

Pois é caro gambá... E não é que havia mais mesmo... Estou eu aqui tranquilo em minha casa, navegando pela internet e ouvindo música com meus fones de ouvido quando escuto um barulho ao meu lado, embaixo da mesa do computador. Olho e vejo o fio que sai da tomada balançando... Nem dei bola e continuo na minha, pouco depois ouço mais barulhos, desta vez atrás da mesa do pc, que fica num cantinho e embaixo dela é bem escuro... Afasto a cadeira e me deparo com mais uma criatura da mesma que apanhei dia desse. Ele estava subindo pelos fios do monitor, conseguiu ficar pendurado atrás de meu aparelho de som... incrivel como esses bichos sobem e se agarram nas coisas, desconhecia isso. Pois bem, esse estava bem mais fácil de capturar e por coincidencia havia uma caixa de sapatos vazia bem próxima... Capturada criatura fui de imediato leva-lo no mesmo local que soltei o seu provavel irmão. Caso encerrado até que ainda a pouco abri a porta dos fundos de minha casa e escuto um barulho perto de uma caixa com lixo que deveria ser levado para a rua... Acendo a luz e vejo mais um gambazinho... Certamente todos são da mesma ninhada pelo tamanho. Escrevo aqui para deixar minha história com esses animais que começou não faz muito tempo... E também para saber de você, qual seria uma isca certeira para pega-lo. Náo gosto de gambás, mas não tenho nada contra a vida. Nunca pensei em mata-los ou maltrata-los... O primeiro que tive que deixar a noite toda preso, fez-me ficar com dó... Enfim... Vamos ver até quando isso vai durar... Espero que este não se sinta intimo ao ponto de entrar em minha casa como os outros dois... =) Abraço...

Gambá disse...

Caro Alessandro: A isca certa é um pedaço de carne bem suculento e cheiroso. Pode ser aquele pedaço que sobrou do almoço. Não há gambá que resista. Pelo seus relatos foram dois gambás até agora, mas uma ninhada pode ter seis ou mais filhotes. Talvez apareçam mais por aí. Boa sorte.

Ana Paula disse...

oi,moro no rio de janeiro em um condomínio dentro de uma mata.O fato é que não só tem gambá,como esquilo, preguiça,cobras e outros bichos diferentes.Não temos problemas com isso,porem na janela do quarto do meu filho tem um pequeno telhado e ele fica lá, urina e o cheiro é insuportável.Nós limpamos colocamos bolas de naftalina misturada com sbão em pó, pois nos ensinaram para o bichonão chegar perto,mas não adianta.Voce tem alguma outra sugestão para o ghambá se manter afastado do telhado?Obrigada, Ana Paula

Gambá disse...

Querida Ana...realmente nosso amigo não é "flor que se cheire"...é difícil opinar desse jeito, já que não conheço o lugar...mas, talvez nessa situação você deve impedir qu ele suba no telhado...experimente colocar telas de naylon (podem ser encontradas em lojas de material de construção) impedindo a passagem dele e ele deve procurar outro lugar para ir...espero ter ajudado...abraços do Gambá de Blumenau

Anônimo disse...

Amigo, boa tarde! Meu nome é Kako e sou de Ubatuba/SP, Help... tenho 1 gambá em meu forro de casa, uma parte do forro tem lage e posso entrar, mas o danado fica na parte onde não tem lage, possue apenas um forro de PCV, tá dando muito trabalho, muito barulho à noite e está urinando, a situação tá complicada. Já tentei subir no telhado abrir umas telhas para pegá-lo, mas o dandado é ligeiro... não quero envenená-lo... já faz 1 semana que to tentando pegá-lo e até pinga já dei pra ele tomar (e num é que tomou mesmo...) e no máximo deu uma diarréia no bichinho! Fazer uma armadilha como esta sem chance... preciso de uma solução rápida. Agradeço a atenção!!!

Gambá disse...

Caro Kako...situação difícil a sua hein? Se você não construir a armadilha será difícil pegá-lo. Minha sugestão nesse caso é você arranjar algum latão de lixo, de plástico, com pelo menos um metro de altura. Pode ser aqueles azuis de produtos quimicos, mas limpo para evitar contaminações (sua e do gambá). Coloque-o encostado em alguma parede ou muro onde você presume que ele passe. Coloque dentro algum alimento que ele goste (um pedaço de carne suculento, peixe ou bananas. A idéia é: ele entrar e depois não sair, porque não consegue subir nas paredes lixas do recipiente. Depois lembre-se de vedar as entradas do forro da casa com tela de nailon (pode ser comprado em lojas de material de construção)e assim ele e nenhum outro gambá conseguirá entrar. Se obter sucesso, leve nosso amigo a algum lugar de mata nativa, aí em sua região, para que ele possa seguir a sua própria vida. Espero ter ajudado. Abraços do Gambá de Blumenau.

Anônimo disse...

Caro Gambá de Blumenau! É o Kako de Ubatuba.... Cara muito obrigado pela dica, meu mesmo primo me arrumou uma caixa de madeira com tampa e fizemos uma armadilha pro danado... e deu certo!!! Era umas 3:00h da madruga escutei a tampa da caixa batendo... na mesma hora peguei ele e soltei próximo a umas chácaras aki, como isca coloquei uma coxa de frando. Em Ubatuba temos muita área verde, mata, etc... Muito obrigado pela dica, um grande abraço!!! Ah! ele tinha uns 30cm de comprimento fora o rabo...

Anônimo disse...

Caro amigo gambá!

Também sou fã desta turma rosnante (tanto dos orelhas pretas como dos orelhas brancas). Fiz meu mestrado e meu doutorado com gambás e foi o bastante para formar uma grande amizade. Fiquei muito feliz de ver um mensagens em defesa desses animais, dado que são frequentemente hostilizados pela população em geral. Parabéns a todos que tiveram o cuidade de soltar nossos amigos com cuidado na natureza. Grande Abraço

José

Gambá disse...

Caro amigo José.... Feliz fico eu, em saber que outras pessoas também admiram esse simpático marsupial. Como você os estudou, sabe bem da sua importância e seu papel imprescindível no equilibrio desse sistema complexo, que é o nosso planeta. Sou defensor de qualquer animal e, como você mesmo disse: por serem "frequentemente hostilizados", adotei o gambá como meu "alter ego" na web. Apareça sempre e um grande abraço do Gambá de Blumenau.

Anônimo disse...

Caro Gambá!! Parabéns pelo trabalho bacana salvando a vida de animaizinhos indefesos. Estou tentando fazer a gaiola, porém não entendi como é que o alimento irá acionar o dispositivo interno da caixa que trancafiará o animal? o alimento ficará pendurando onde?

Gambá disse...

Essa é simples, anônimo. Coloque um arame na tela superior, em forma de um numero oito. Na parte debaixo do oito, dentro da gaiola, coloque um pedaço de isca (carne, peixe, banana) e na parte de cima, arme a gaiola. Quando nosso amigo morder a isca, o arame vai balançar e a porta vai cair e fechar. Acesse as imagens da gaiola no post para ver como funciona. Abraços do gambá.

rodoxr disse...

Boa noite gambá! passei o domingo todo fazendo a armadilha, mas quando fazemos o oito com o arame e mexemos na parte da baixo, não engatilha a porta de jeito nenhum. A caixa tem comprimento de 50cm e o cabo (igual de vassoura) que liga a porta à isca tem 42cm a porta fica bem empenada para trás. o que será que não tá dando certo?

Gambá disse...

Caro amigo Rodorx: Pense bem. A intenção é desarmar a armadilha quando ele fuçar no alimento. As conexões tem que ser bem leves. Tente colocar o arame em forma de oito sem prender a tela de arame superior, ou seja, só na isca e no engate para desarme da porta. Abraços.

zKyoto disse...

Olá gambá, primeiramente parabéns pelo seu blog, excelente!

Bom, preciso de sua ajuda!

Moro no interior do RJ (região dos lagos) e moro em uma casa com um quintal grande, tenho um gato e um cachorro!

Ah cerca de 2 meses, começou a aparecer esses gambás por aqui, o pessoal aqui costuma chamar "mucura", ele não é grande como o das fotos, parece ser filhote, mais ele está causando problemas!

1º Toda semana minha cadela mata pelomenos 1 =/
2° Fico preocupado com meu gato e minha cadela, pois já me disseram que o gambá pode até cegar, já meu gato é pequeno e o gambá pode mata-lo facilmente!

Quero saber o que devo fazer, meus animais (gato e a cadela)ficam soltos no quintal, como vou usar a armadilha com eles passeando a noite!

A cadela fica a noite toda correndo, latindo, escuto barulhos tipo : "mimimi" como se fossem ratos!

E o pior, hoje, cheguei em casa e tinha um gambá em cima da panela do fogão! Pra piorar, fiquei com muito medo dele morder, meu pai chegou perto, muito perto, quando o gambá me viu, ficou exatamente PARADO igual uma estátua, meu pai foi chegando mais perto para tentar espantar, mais ele não se mechia, meu pai abriu a janela mas ele não fugia, meu pai tipo "empurrou" ele com a mão, empurrou fraco, daí ele pulou e subiu no pé de abacate e desapareceu.

Lá vai outra : Vi que ele morde e ataca quando se sente ameaçado, então quer dizer que meu pai correu um risco e isso não pode se repetir ?

Pra piorar mais ainda, a armadilha não vai me ajudar muito, pois a mãe dos gambás tem um ninho, que acredito eu, que seja bem perto, minha cadela ja matou mais de 10, ou seja, existe uma "cria" por aqui!

Se não fosse a cadela, para correr a noite toda pra lá e pra cá, eles iriam simplesmente invadir minha casa, pois entre a parede e o telhado existe um espaço de aproximadamente 6 cm de altura, e nas laterais cerca de 20cm, que é até o acesso do gato pela casa...

O que devo fazer ? pedir ajuda para algum serviço ? Qual ?

Obrigado~

Gambá disse...

Caro amigo zKyoto: Realmente grandes problemas, mas nada que não possa ser resolvido. Vamos por partes:

Em relação aos ataques de sua cadela contra o gambá isso é natural. O cães (não sei bem porque, talvez por um problema de território) odeiam os gambás. É quase sempre certo que o cão irá atacar e matar o bicho. O cão pode se ferir sim, pois o gambá irá se defender e quem sabe enfiar as garras no olho ou qualquer outra parte do atacante. Quanto ao gato, acho que não haverá problemas, pois ele não atacará o gambá e vice-versa. Entre os dois só existe uma relação de curiosidade.

A armadilha pode ser feita sem problemas, coloque-a numa altura adequada (onde você presume que o gambá passe)para que o cão não entre nela. Se o gato entrar, não tem problema é só soltá-lo no dia seguinte.

Quanto ao gambá no fogão, ele fez aquilo que sabe. Ficar quieto, sem se mexer. Faz isso para que o predador fique confuso e vá embora. Veja que ele não nos vê como humanos, mas sim como outro animal qualquer.

Algumas dicas úteis: Se o gambá entrou em casa é porque achou comida fácil. Mantenha a comida nos armarios ou geladeira e os latões de lixo tampados, se possível com um peso em cima. Mantenha janelas e portas fechadas, principalmente a noite. Feche com tela, as possíveis entradas do telhado. Mantenha os animais dentro de casa por algum tempo, enquanto a armadilha estiver fora. Se ele não tiver o que comer, provavelmetne irá embora.

Veja bem, é muito difícil que o gambá ataque. Ele está com muito mais medo que você ou seu pai. Ele fará tudo para fugir. Nosso amigo só está procurando comida e sobreviver.

Qualquer dúvida, entre em contato de nove que tento ajudar.

Abraços do Gambá daqui.

Ivan disse...

Boa Tarde Amigos!!

Moro em uma caso com quintal de terra onde meu pai cria algumas galinhas eis que esta aparecendo nosso amigo ai o "GAMBÁ" ontem meu cachorro ferro no coro com ele! Mais consegui separar! Agora estou indignado pois liguei nos bombeiros para a retirada do bichinho e os mesmos me mandaram jogar umas pedradas para assustalo! Desliguei o telefone puto da vida por escutar isso de um oficial e hoje liguei no Pelotão ambiental e me instruíram a ligar na Policia ambiental. Na policia ambiental falaram que não faz parte deles que quem teria que resolver seria o corpo de bombeiros onde tudo começou e da onde tive a brilhante idéia deles de jogar pedra no bichinho! Pô sacanagem viu! To Furioso com isso

Gambá disse...

Pois é, amigo Ivan. Por isso apresentei essas dicas para pegar um gambá. As "otoridades" adoram fazer o jogo do empurra-empurra.

Anônimo disse...

Boa tarde Gambá !
Infelizmente os meus cachorros mataram uma gambá no meu jardim. Estou com 3 filhotes de 4/5 centímetros e não estou conseguindo alimenta-los. Como faze-los engolir o leite? O funcionário do IBAMA do RJ disse que só pode vir busca-los na segunda-feira. Qtos ml de leite para cada por dia? Sugeriram leite de soja com gema de ovo mas não disseram em que proporção.Estou usando seringa de insulina com sonda nasogástrica bem fina, coloquei-os dentro de um bichinhos de pelúcia que virei do avesso e estou tentando mante-los aquecidos com auxílio de uma bolsa de agua quente.HEEEELLLPPPP.
Olga

Gambá disse...

Olga, os filhotes são pequenos e muito dependentes da mãe. Para alimentá-los coloque a seringa na boca e aperte bem devagar, o suficiente para que possam lamber. Só leite. Cuide da temperatura da bolsa d'agua para que não fique quente demais e insista com as autoridades ambientais. Boa sorte.

Portal dos Negócios disse...

Muito boa essa matéria. Tem um gamba que ta rondando minha casa e deixando algumas vitimas mortas ou gravemente feridas!!! (as galinhas e seus pintinhos.) rsrsrs

Vou providenciar já essa gaiola para capturar esse animal, e depois volto para dizer se funcionou OK, Vlw....

Gambá disse...

Obrigado ao pessoal do Portal dos negócios pelo elogio. E pode montar a armadilha que vai dar certo. Abraços.

marilu disse...

Olá encontrei uma mamãe gambá atropelada na rua e tinha dois filhotes vivos, eu os recolhi e levei para casa, mas um deles estava machucado e morreu. o outro está vivo e comendo através de conta-gotas, dou leite com mel e gema de ovo batida. Mas acho ele muito pequeno pois ainda nem abriu os olhos. come duas gotas e não quer mais. qual será a idade dele? será que tem chances de sobreviver? Pois se tiver, vou continuar insistindo e levá-lo ao zoo assim que tiver condições de se alimentar sozinho. Por favor me ajude

Elisabete disse...

Meu amigo,

Não sei mais o que fazer com estes teus amigos aqui no meu forro, veio um, não me importei, trouxe uma amiga, achei bonitinho, até brinquei: poxa! Até gambá arruma namorado, menos eu!! rsrs
A questão é que encontrei dois filhotes dentro de casa, não tenho habilidades em fazer armadilha, como resolver??

Elisabete/RS disse...

Meu amigo,
Aparecereu um desses no meu forro, não me importei, passado uns dias ele trouxe uma amiga, fizeram maior farra. Até comentei: Poxa! Até gamba arruma namorado! rsrs
Hoje cheguei em casa e me deparo com dois filhotes na minha sala, bah! Beteu pavor e agora? Não tenho habilidades com armadilhas e não judiaria dos bichinhos, o que fazer?

Anônimo disse...

Achei excelente esta matéria! Andei pesquisando pela net e esta me parece ser a melhor gaiola que eu encontrei. Só não consegui descobrir direito como funciona o mecanismo que aciona o fechamento da porta. Você teria algumas fotos ou desenhos de como montar este mecanismo? Grato!

Anônimo disse...

me chamo Luciana e moro em Brasília,ontem 23/10/10 às 19:00h onde moro estava chovendo e para minha supresa e de meu marido nosso cachorro sentiu o cheiro do gambá na sala. Ele entrou na sala e se escondeu no canto do sofá, colocamos ele numa gaiola que tinhamos que era do porquinho da india, mas ele é muito estressado ficava só grunhindo o tempo todo e enfrentava a gente. Como moro perto do parque nacional e do cerrado levamos ele pra lá. Quando abrimos a gaiola ele saiu correndo pro cerrado. Nós tiramos uma foto dele (dentro da gaiola) pra ter de lembrança e o batizamos de ESTRESSADINHO, pois ele era estressado demais.

Gambá disse...

Muito bem, Luciana. Parabéns por ter solto nosso amigo em seu ambiente. O cerrado brasileiro é ótimo lugar para um gambá viver, mas, provavelmente não irá perder a primeira carona para voltar à capital. O homosapiens descuida de seu lixo e isso facilita a vida do marsupial nos centros urbanos. O desperdício de comida é enorme e se, até humanos reviram o lixo para comer, imagine a quantidade de gambás fazendo o mesmo. O "Extressadinho" (rsrs) rosna desse jeito para intimidar, ele é um ótimo ator e se precisar, até se finge de morto. Abraços do gambá daqui.

Gambá disse...

Para Marilu e Elisabete. As dicas de seus problemas estão nos comentários acima.

luciene disse...

bom aqui apareceu um casal, mas no mês passado o macho morreu eletrecrutado em um fio , mas ainda ficou a femea e agora ela criou 7 filhotes, estou apavorada , pois por muitas vezes ela quiz entrar dentro da minha casa, eu tenho nojo só de ver, por q se parece muito com ratos e q tb tenho nojo.preciso de ajuda, a quem eu devo acionar?

Tamara disse...

Oi, Talvez alguém aqui possa me ajudar! Achei um filhote de gambá na estrada, com a mãe atropelada, trouxe pra casa e a Feiurinha (nome que demos ao bicho) conseguiu sobreviver, bebe leite na seringa e já está comendo frutas (não tenho a mínima idéia da idade dela(e))! O problema agora é que não posso deixá-la aqui em casa, que tem cachorro, e acho covardia deixar o bichinho preso numa gaiola,mas também tô morrendo de pena de Feiurinha não conseguir sobreviver sozinha se a soltarmos! Alguma dica?
Obs: Moro em Itaboraí, RJ.

Gambá disse...

Tamara: O ideal é levar "feiurinha" ao departamento do ibama mais próximo. Eles tem criadouros de animais silvestres credenciados que podem ficar com ela. A linha Verde do Ibama é um canal direto com o cidadão e funciona 24 hs. A ligação é gratuita através do telefone: 0800 618 080 e o email é:
linhaverde@ibama.gov.br
Tente contato com eles para saber como proceder. Se ele esta bebendo leite na seringa, pode sobreviver. Deve ser ainda um filhote, se ficar na gaiola não trará problemas até que seja encaminhado ao ibama. Abraços do gambá.

Makabiel disse...

Olha você é um iluminado ...
eu estou exatamente as 4:05 da madrugada procurando na internet como capturar um gambá e a primeira matéria que vejo que faz sentido é a sua.O meu cão pegou um gambá e agora ele esta acuado em um canto... vou ver se consigo capturar ele com um pedacinho de carne e colocar ele dentro de uma caixa para poder leva-lo para um lugar seguro, bem longe do meu cão, o incrível é que não sabia que existia gambás próximo a minha residência e por sorte cheguei na hora exata, provavelmente o meu cão iria matar esse pobre gambá. Tenho certeza que o gambá agradece a sua matéria e eu também pela ajuda :)

Gambá disse...

Caro Makabiel: Nós, os gambás, é que agradecemos a sua paciência. Espero que tenha dado tudo certo. Abraços.

Anônimo disse...

cara tem um vizinho meu aqui em Florianópolis que comprou uma CARABINA DE PRESSÃO so pra acabar com os bichos....ele coloca alimento em cima do telhado e fica fuzilando todos os gambás, teve uma noite que ele matou 3 gambás tinha um que era maior que um gato...deu muita pena, mas ele disse que os bichos fazem xixi em cima do AUDI dele...ele ja matou 6 e disse que tem mais um que ele vai mata e comer.detalhe ele é policial militar. o que posso fazer?

Gambá disse...

Caro Amigo anonimo: Denuncie esse assassino junto ao IBAMA Florianópolis pelos telefones: (48) 3212 3300/3212 3301. É o órgão responsavel pelo meio ambiente local e pode fazer alguma coisa. Denuncie e mantenha o anonimato, afinal é um policial militar. Boa sorte.

Anônimo disse...

Caro Gambá de Blumenau, obrigado pelas dicas da gaiola e pela conscientização quanto aos cuidados com o animal. Entretanto estou com um problema. Tenho um galinheiro, onde uma galinha e um pintinho já foram mortos por gambás. Queria seguir sua orientação, de capturar o bicho e soltá-lo em alguma mata próxima. Entretanto, estou neste dilema. Será que se eu soltá-lo, ele e/ ou outros não voltarão? Fábio

Gambá disse...

Caro Amigo Fábio: Obrigado a você por tentar resolver seu problema de maneira sensata. Em relação ao nosso amigo, o ideal é soltá-lo bem longe de sua casa. Acredito que acima de cinco kms ele não voltará. E quanto ao seu dilema, digo que sim, provavelmente há outros e você repetirá esse processo: pegar, soltar; pegar, soltar. Abraços do Gambá de Blumenau.

Teresa Cristina disse...

Caro Gambá, excelente a sua prestação de serviço.
Tenho uma casa aqui na serra da Cantareira, em SP, e no telhado deve habitar uma familia desses animais - porque quem não tenho nenhuma simpatia...

A casa é sempre bem limpa e os animais não entram - apenas vivem no fôrro, onde devem entrar por uma fresta. Não fechamos a fresta porque eles vão morrer lá dentro - e além de tudo, deve aparecer um cheiro horrível.

O que estamos percebendo agora é que, do nada, apareceram pulgas na sala embaixo de onde eles estão. Em casa, não entram cachorros nem gatos. Nosso caseiro acha que essas pulgas devem estar vindo do forro, dos gambás.

É possível?

Vamos tentar fazer esta armadilha ainda hoje.

Obrigado.

Benedito.

Gambá disse...

Caro Benedito: É possível sim, que as pulgas sejam dos gambás ou até mesmo de ratos. Não tenho como avaliar o local, mas o ideal é subir e verificar com uma lanterna. Faça a armadilha e feche as entradas. Instale ratoeiras também. E lembre-se, se pegar algum gamba, deixe na gaiola e solte em algum lugar bem longe de sua casa, perto de alguma mata nativa. Boa Sorte.

bold! disse...

tiro e queda!!!......opa! calma! brincadeira! tiro e queda é a eficiencia dessa armadilha!
ontem a noite capturamos o "come de tudo um poucos" com a armadilha no quintal de casa e agora de manhã, eu e meu filho de 8 anos o devolvemos a uma pequena mata entre nossa cidade (São Joaquim da Barra SP) e a vizinha (Nuporanga).
e todo mundo ficou feliz!

Nosso muito obrigado ao grande Gambá de Blumenau!

ah!...só pra constar Gambá, seu irmão comeu muita coisa nesses dois meses (abacaxi, bolo, banana, torrada, pão, ovo, lagarto, inseto, carne e etc)...depois te mando a conta!...mas ontem comeu um pão de queijo na armadilha e ficou quietinho até o momento da liberdade.

Gambá disse...

É muito bom ver alguém como Bold, que com paciencia e bom humor resolveu seus problemas com o gambá que teimava em viver em sua casa. Acredito que seu filho aprendeu algo muito valioso, que é respeitar qualquer forma de vida e isso certamente o tornará, no futuro, um homosapiens melhor.
Agora... quem resiste a um suculento pão de queijo, rs rs. Amigo bold, obrigado a voces e um grande abraco

ApaulaS disse...

Mais não tem nada que espante o gamba da residência?

Gambá disse...

apaulas: O melhor meio de manter o gambá longe de casa é cuidando do lixo. Como o homosapiens desperdiça muito, o lixo é rico em alimentos como carnes, peixes, frutas, verduras, leite, massas, enlatados e muito mais. Impossível não perder essa boquinha. Mantenha o lixo em sacos e latões tampados.
Fechar com tela as entradas dos locais que ele possa se instalar, também é essencial. Por isso a preferencia por forros de casas. São quentes, secos, escuros e vazios. Ideal para a femea ter os filhotes.
E se ele realmente incomodar, tente a gaiola, mas não deixe de devolve-lo a natureza.
Abraços

Joel disse...

a tempos
deixo ovos e casca de melancia para um gambazinho comer
pois ele atacava os ninhos das galinhas
mas o bixo tah safado...
esses dias atacou e matou 3 frangotinhos de uma vez,
soh comeu a cabeça
agora, apos atacar de novo e machucar a galinha no choco
resolvi degreda-lo
fiz outro tipo de armadilha mas ele fugiu, pois a porta abria para o lado
agora essa que abre tipo comporta acho q vai funcionar
brigadu pela dica
ah... recebo a visita tambem de um lagartao teiu trato com ovos tambem mas acho q nao vai servir na armadilha
t mais

beth disse...

MEU CACHORRO MORREU UM DIA DEPOIS DE SER MORDIDO POR UM GAMBÁ ADULTO,,ISTO PODE TER ACONTECIDO OU ELE FOI MORTOPER ALGUM OUTRO VENENO? ELE TINHA ESPUMAS BRANCAS NA BOCA E TAMBÉM MUITAS FEZES DIFERENTE EM SEU ANOS ,NÃO IGUAIS A QUE ELE COSTUMAVA FAZER POIS COMIA APENAS RAÇÃO...TINHA UM ANO DE IDADE..PODEM ME AJUDAR A ENCONTRAR A RESPOSTA?OBGD.

beth disse...

MEU CACHORRO DE UM ANO MORREU UM DIA DEPOIS DE SER MORDIDO POR UM GAMBÁ,TINHA ESPUMAS BRANCAS NA BOCA E FEZES DIFERENTE DAS QUE ELE COSTUMAVA FAZER ;PELAS PERNAS E NO ANUS,ISTO É POSSIVEL? OU ELE PODE TER COMIDO OUTRO VENENO? ME AJUDEM POR FAVOR OBGD.

Gambá disse...

Beth: É impossível avaliar sem ter mais informações. Se foi envenenamento, animais vizinhos também estão contaminados. Converse com outros moradores para saber.
Caso tenha indícios de crime faça boletim de ocorrencia na delegacia e avise a vigilância epidemiológica de sua cidade.
Gambás podem transmitir raiva sim, mas os sintomas tem incubação mínima de dez dias.

Claudia disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Reconstrua Blumenau disse...

Existe algum tipo de cheiro ou som que eles não gostam e se irritam a ponto de sairem do local?

Gambá disse...

Caro amigo: Desconheço métodos desse tipo para afugentar o animal.

andré disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Gambá disse...

Caros visitantes...qualquer dica pra pegar o gambá vivo será bem vinda. Se for para matar ou maltratar o animal é melhor deixar prá lá.
Grato.

Daiane disse...

Oi!
Comprei uma casa e desde que me mudei sinto um cheiro estranho. Percebi que o cheiro vinha do forro da casa. Meu marido subiu no telhado e tirou algumas telhas para ver se tinha algum animal no forro mas não encontrou nada. O estranho é que o cheiro passou por algum tempo e voltou no outro dia. Será que pode ser um gambá? Estou grávida e este cheiro me enjoa muito. Comprei a armadilha e colocamoas no forro mas não pegou nada. Será que é gambá mesmo? Como isca colocamos linguiça, depois pão com cachaça, galinha... por favor me dê uma dica!

Gambá disse...

Daiane: O gambá só vai exalar seu liquido fétido se estiver em situação de perigo. Mantenha a armadilha armada com um pedaço de linguiça mesmo. Deixe por vários dias, se for um gambá ele vai cair. Outros animais, como gatos e ratos também são suspeitos.

étria disse...

tem um bicho desses no forro de meu quarto. Há tempo que nao tinha ideia de que seria, ja q nunk antes conseguia ver, como moro sozinha com meu filho ficava apavorada com o barulho q fazia no forro e morta de nojo quando ele mijava..aí sujava meu pvc e meu piso, ou cama... nojento esse animal.. Minha amiga que viu e me chamou e quando vi.. meu Deus q bicho feio e assustador!!! meu pai tentou pega-lo mas sumiu.. agora vou ligar para os bombeiros me socorrerem q além de assustada e sentir nojo, ouvir dizer que ele morde!!! me preocupo com meu filho q t bm viu..nao tenho coragem de fazer essa arma dilha pelo fato de nem chegar perto dele d novo!!!!

Gambá disse...

Étria...apesar dele ter essa aparência horrível como você diz, acho improvável que ele ataque você ou seu filho. O Gambá é um animal medroso que sempre vai evitar o confronto, mas claro, vai se defender se for atacado. Peça ajuda as autoridades locais para capturar o bicho e depois peça a alguém de sua família para vedar com tela de arame ou naylon os possíveis locais de entrada dele no forro de sua casa.
Boa sorte.

Caroline disse...

Bem a situação aqui em casa é a seguinte somos 3 mulheres não temos nem idéia de como montar essa armadilha vc teria uma sugestão mais simples? olha já fizemos de tudo colocamos cachaça,soltamos bombinha no telhado,batemos com cabo da vassora no teto,ligamos p bombeiro,ibama,polícia militar ambiental e nada adiantou. O bicho está morando aqui no forro a uns 15 dias fazendo muito barulho a noite e fazendo xixi inclusive eu ja tomei uma banho vendo tv na minha cama pois o forro é de lambri aí acaba vazando bem foi uma situação muito desagradável. Estamos desesperadas por favor me dê uma luz urgentemente!!!!!
Aguardo Resposta.

Gambá disse...

Caroline:
Sei que é difícil para vocês mulheres fazerem a minha sugestão de armadilha, mas existem algumas que podem ser compradas em lojas de produtos agropecuários ou veterinários. Veja esse modelo. Copie o link e cole na barra de endereços de uma nova aba.

http://comprar-vender.mfrural.com.br/detalhe.aspx?cdp=50384&nmoca=diversos-armadilha-gaiola-para-capturar-gato-gamba-e-outros-pequenos-animais

Outras dicas tem nos comentários acima. Boa sorte.

O Gambá de Blumenau

WILLIAM disse...

Construí uma igual, é muito boa, capturei o gambá e o gato do vizinho, o gambá eu soltei, mas, o gato do vizinho não teve a mesma sorte, concordo que os animais selvagens devem permanecer na natureza, já os domésticos, devem permanecer na propriedade de seu dono e não invadir a propriedade dos vizinhos.

Anônimo disse...

Olá amigo, não consigo ver as informações de como montar a armadilha, por isso pedi dicas enviando um email para voce, muitooo obrigado.

Anônimo disse...

Poxa, me ajuda ! com faço o engate? não tem informacoes de como construir a armadilha aqui no blog, não sei como fazer o acionamento da armadilha.

Anônimo disse...

Amigo valeu pela dica, eu moro em Maceió -AL, e aqui no forro de minha casa são dezenas de gambás ou se não centenas, ja matei alguns de raiva que me fizeram, como o forro do meu quarto é de Isopor sempre cai um desses aqui no meu quarto, vou fazer a armadilha pra pega-los e vou solta-los pois é bem como você mesmo disse, eles só estão procurando sobreviver. Mas ja não aguento mais eles. Valeu pela dica.

PS: Aqui em Maceió o nome deles são Cassacos.. Diferente não?

Amelides disse...

Alô Gambazada,
gostei do Blog e fiquei surpreso com o interesse gerado por este assunto. Fiz uma busca no Google por "armadilha para gambá" e caí de paraquedas neste Blog. Também estou com gambás no fôrro e preciso deste projeto.Há muito tempo tinha um caseiro que fazia uma armadilha semelhante para tirar os gambás do alcance dos meus cachorros, pois frequentemente além deles serem pegos os cachorros não me deixavam dormir. Mais de uma vez mataram femeas, ficando a filhotada andando orfã pelo sitio. É de doer! Numa oportunidade peguei dois destes filhotes e resolvi criar na mamadeira e depois com frutas. Me chamavam de doido, mas não é que deu certo! Soltei-os na mata quando começaram a procurar comida sozinhos. Tenho fotos interessantes desta tarefa, se quizer colocar no Blog me informe o seu email (este que está indicado não funciona!)Veja as fotos: http://goo.gl/IOyVF

Gambá disse...

Caro Amelides: Parabéns pela dedicação aos filhotes órfãos. Com um pouco de paciência e trabalho voce mostrou ser possível criar condições para que eles sobrevivam, o que é muito dificil, já que são muito dependentes da mãe. No seu caso, que possui cães, a armadilha será fundamental para manter meus amigos longe de sua casa.
Abraços do Gambá daqui.

Anônimo disse...

Amigo meu nome é Pâmela..aq em casa tem um bicho no forro não sei o que é..ele fica tipo rosnando e parece que espirra..ja faz axo que um mês.. mais ela não faz barulho toda hora só de vez em quando!! pode ser um Gambá?? gostaria muito de uma resposta pois tenho filho pequeno e tenho medo que o bicho saia do forro e entre em casa..obg!!

Gambá disse...

Pâmela...pelo que voce descreve, provavelmente é um Gamba, porém, nao se preocupe, ele não vai descer do forro e andar pela casa. Leia os comentarios acima para saber como agir nessa situação.

galo!!!!!!!!!!!!!!!!!!! disse...

os gambas de para de minas sao mais espertos nao entraram na armadilha e ainda por cima levarao ovos das galinhas aqui de casa!tem base?!

Gambá disse...

Caro Galo...Acredito que os gambás daí são tão espertos como os daqui. Provavelmente não entraram porque os ovos estavam dando sopa do lado de fora. Experimente colocar um pedaço de carne suculento e recolha os ovos antes de colocar a armadilha.
Abraços.

Rairam disse...

Cara esse seus parentes são de dar medo minha morre de medo aqui em casa,
mais me responde o gambá morde humano?
come sei la?

Thais disse...

Olá Gambá de Blumenau, primeiro gostaria de te dizer q estou completamente apaixonada pelo trabalho q vc vem desenvolvendo aqui. Sou louca por animais e não posso nem imaginar q pessoas judiem destas criaturas. Por isso estou morrendo de medo q acabem matando uma mãe e seus filhotes no jardim da minha casa. Encontrei hoje um filhote morto dentro da piscina. Acredito q o ninho dela esteja num tronco oco de uma árvore, q fica próximo da piscina. Não tenho como cobrir a piscina e não gostaria de ver mais nenhum bebê afogado. Já havia visto a mãe, mas não sabia q ela estava morando aqui e ainda mais com filhotes. Coloquei ovos no quintal pra ver se ela come e tb tem vasilha com água q eu já deixava para os passarinhos. Moro em um condomínio na cidade e meu vizinho tem vários gatos, q acabam visitando meu quintal tb, eles podem fazer mal pra mamãe gambá, ou seus filhotes? Por todas as informações q eu li na internet, q não foram muitas, não sei se os filhotes continuam no ninho e durante quanto tempo. Como li q por cria nascem de 10 a 15 filhotes, tenho medo q eles saiam daqui de casa e meus vizinhos acabem os matando. Já pensei em ligar para os bombeiros virem buscá-los para os levar no horto florestal da minha cidade, mas fico com dó tb pq perderam sua liberdade, mas por outro lado serão bem cuidados. O q vc acha? Se vc achar melhor q os bombeiros os levem, qual seria o melhor momento? Espero os filhotes crescerem um pouco mais, hj eles tem uns 15 cm. Quando eles se tornam independentes de suas mães. Me desculpa ter me alongado tanto, mas quero fazer o melhor pra eles e não tenho muito conhecimento. Aguardo sua resposta Gambá e desde já agradeço e o parabenizo novamente.

carol disse...

Olá,tem uma familia de gambas no meu telhado no forro da minha casa,acho que tem mais de 20 fihotes com ela...e não adianta de nada a armadilha ela vem olha entra e sai...ja tiramos boa parte do forro e nada da bonita sair...e a noite nao nos deixa dormir passeando no meu telhado,Por favor me diga como me livrar desse querido bicho...pois ja caiu 3 filhotes no chão e os pequenos ate q sao bem bonitinho..hehe

Obrigada

Gambá disse...

Cara Thais:
O melhor é deixar a mãe e os filhotes seguirem sua vida normalmente. A morte de um dos filhotes não é nada demais, pois isso pode acontecer com qualquer espécie. Lembre-se: A seleção natural faz com que só os mais fortes sobrevivam. Procure não alimentar os gambás. Eles mesmos irão procurar seu alimento e quando for a hora deixarão a mãe e abandonarão o lugar, o que não deve demorar pois como voce mesmo falou, eles já tem 15 cm. Quanto aos bombeiros, acho difícil eles buscarem a mãe e os filhotes pois em outros casos parecidos eles alegam não ser atribuição da corporação recolher animais silvestres.

Gambá disse...

Querida Carol:

A armadilha tem que funcionar. Se ele entrou e ela não desarmou é porque o gatilho está mal colocado. Tente deixar bem armada e com um pedaço suculento de carne.
Se não for desse jeito, alguém vai ter que subir ao forro com uma luva especial de couro e pegar os filhotes com a mão e isso é muito difícil.

Cristina disse...

Amigo Gambá,

Apareceu um gambá no jardim da minha casa eu notei a presença dele há umas 2 semanas ( não tinha nenhum conhecimento fiquei maravilhada e ao mesmo tempo com receio. Ele é muito lindo. Depois disso tenho lido bastante sobre gambás.

Dei uma banana e mamão, ele estava faminto, passei a colocar comida ( sempre frutas) para ele toda noite.

Meu quintal tem bananeira, amora e outras frutas, ele me espera até tarde para receber a fruta que coloco sobre um tijolo na grama. Se eu demoro a chegar, ele mesmo come uma banana na bananeira. ( não me importo de dividir minhas frutas com ele)

Ele muito lindo ( dei um nome a ele: Quixote)

Estou com vontade de continuar cuidando dele em vez de levar para uma mata, mas, tenho alguns receios e gostaria dos seus conselhos.

Moro em um condomínio com uma pequena mata e fora dele ( do outro lado da rua) tem uma reserva florestal muito grande. Minha casa tem laje e telhado, não sei se o gambá conseguiria entrar lá ou se já até está morando lá ou em algum visinho. Eu não me importo se ele vier a fazer barulho, mas, penso em problemas com pulgas, filhotes mortos e fezes ( principalmente fezes), ELE EVACUA NO LOCAL ONDE MORA?
Eu pensei em fazer uma casa para ele no jardim. VOCÊ ACHA QUE DÁ CERTO? COMO TEM QUE SER A CASA?
TEM QUE VACINAR O GAMBÁ CONTRA RAIVA?

VOCÊ ACHA QUE ESTOU EQUIVOCADA TENTANDO CONVIVER COM O AMIGO GAMBÁ?
VOCE ACHA QUE POSSO NÃO CONSEGUIR DAR CONTA QUANDO ELE(A) TIVER CRIA, QUER DIZER, É DIFÍCIL CRIAR UM GAMBÁ?

SE for macho talvez não tenha ninhada, ESTOU CERTA? HÁ COMO IDENTIFICAR SE É MACHO OU FÉMEA ATRAVÉS DE FOTOS? Tenho tirado fotos dele.

Desculpe a insegurança, isso é novo para mim (não tenho outros animais e não quero cachorro).

Muito obrigada caro Gambá
VOCÊ FAZ PARTE DE UM GRUPO QUE FAZ O MUNDO SER MELHOR!

ABRAÇOS!!

Anônimo disse...

Caro Gambá de Blumenau,

Semanalmente vou à minha casa em Ubatuba, litoral norte do E. São Paulo.
Nas últimas duas semanas, quando passo no quintal num determinado lugar cocberto, cujo piso é de porcelanato, limpo e sem frestas, apareceram pulgas, muitas pulgas, que, se eu ficarparada por alguns minutos, veja-as pulando no chão e nas minhas pernas. Um horror! Não tenho bichos de estimação, mas uma das minhas hipóteses é de que as pulgas vem de uma gambá que frequentemente pode ser visto de noite no quintal. Essa poderia ser a origem das PULGAS?

Abraços, Ursula

Anônimo disse...

Olá....encontrei um gambá morando dentro de uma pilha de tijolos no quintal da casa dos meus pais e até aí tudo bem porque não tenho nada contra esse bichinho. O problema é a boxer que està tentando pegá-ló e estou tendo que mantêm-la presa por causa do abusadinho. Também não posso pedir ajuda para meu pai porque não simpatiza com gambás. Eu e o gambá estamos em uma situação difícil. Amanhã vou tentar desmanchar a pilha de tijolos aos pouco e com cuidado pra ver se ele vai embora...só espero não levar uma mordida. Depois eu conto como foi...

Gambá disse...

Querida Cristina:
Desculpe pela demora na resposta, pois não pude consultar o blog na semana que passou, mas vamos lá e responder suas perguntas: Não acho que seja possível você tratar o gambá como um animal doméstico, mas nada a impede de manter algumas frutas no quintal para que ele possa se alimentar. Se ele morar no forro da casa ele vai evacuar e urinar no telhado. Gambás podem ser vetor de pulgas. Não há como vacinar ele contra raiva e cuide para não ser mordida pois o local da ferida pode infeccionar. Lembre-se: O gambá é um animal silvestre e não pode ser manipulado, por isso não há como fazer uma casa. Deve ficar livre. Se ele tiver crias, não faça nada. Deixe que a femea cuide de seus filhotes. O melhor conselho que posso dar a você é que deixe o animal seguir seu curso natural. Outras duvidas entre em contato e obrigado pelos elogios. Abraços.

Gambá disse...

Querida Ursula. Gambás podem ser vetores de pulgas, sim. Mas isso não quer dizer que o problema em Ubatuda seja causado por ele. Entre em contato com uma empresa de especializada e desinsetize o lugar.
Abraços.

Ursula disse...

Muito obrigada, vou avaliar a situação pulguenta por mais um final de semana. Aí tem duas medidas a serem tomadas se não houve melhora:
1) fazer a armadilha e deixar o gambá em outro local, perto da mata, que é bem fácil e
2) dedetizar o local.

Mais uma vez, obrigada,
Ursula

Anônimo disse...

Moro no Rio de Janeiro numa casa perto da Floresta da Tijuca, portanto existem muitos animais e aves ao redor. No entanto, nos ultimos anos vem aumentando MUITO a quantidade de gambás nos condominios nos arredores. Eles invadem o forro dos telhados, fazem barulho e necessidades, incomodando muito os moradores. O xixi escorre pelas paredes dos quartos e tem um cheiro horrível. As vezes eles brigam entre si enquanto estao no forro do telhado, rosnam e arranham o teto de forma que fica impossivel dormir! A Floresta é local preservado, ou seja, não está diminuindo de tamanho nem expulsando os animais, penso que talvez seja um desequilibrio qualquer. Os gambás não tem culpa, mas incomodam um absurdo! Não sei o que fazer para acabar com o problema; já tentei fechar todos os possiveis buracos por onde os bichos entravam, mas eles encontram outra forma de entrar no forro. São tantos animais que estao sempre surgindo, nao sei se uma gaiola vai dar jeito.

Anônimo disse...

Essa armadilha funcina muito bem e otima e segura para gamba

Anônimo disse...

Caro Gambá, obrigada pelas orientações. O gambá é femea, deu cria e está morando na churrasqueira, não sei qtos filhotes são, mas, ela não deixa ver direito, pois rosna. Sei que um é branquinho branquinho! Os gambás filhotes, depois de grandes, costumam ir morar em outro lugar ou ficam com ela? Ah! Gostaria de saber também até que tamanho eles permanecem agarrado à mãe.
Abraços
Cristina.
Obrigada.

gilberto disse...

fico feliz de q a maioria de vcs tiveram boas experiências com os gambás, ainda que inesperadas, mas não posso dizer o mesmo... na industria que trabalho, essas belezuras escolhem os lugares quentinhos das saals de comandos eletricos, roem tudo, morrem eletrocutados e param tudo!!!Aki em casa, uma noite só mataram quase 20 pintinhos, fora outros estragos... E é aquele jogo de perde, ganha, uns se vão por conta dos rottweileres, outros fazem o estrago... mas faz parte do processo.

marly disse...

Noossa! pensei q isso fosse mais raro, ou só no forro da minha casa!
imagine o danado urina como se fosse uma goteira ,fétida claro, mas hoje ainda meu esposo vai fazer esta "gaiola" para o "hospide" valeu!

Anônimo disse...

QUE MAL PODE NOS TRAZER O CONTATO COMA URINA DELE ?OBRIGADA DESDE JÁ!!

Gambá disse...

A urina em contato com pele não faz mal nenhum. Lave com agua e sabão e ficara tudo bem.

Anônimo disse...

Tem um Gambá aqui em casa minha mãe foi dar uma banana pro bichano e ele mordeu ela,fomos rápido para o posto,temos medo do bichano morder também minha irmãzinha de 3 aninhos.
Também temos uma cachorrinha,e o bichano é branco e sempre solta aquele cheiro muito desagradável meu pai vai chamar os bombeiros mais eles falaram que iam matar,como eu faço para tira-lo da minha casa sem mata-lo e nem machuca-lo mais sem essa armadilha pois meu pai trabalha e não tem tempo
Abraço Giulia

Anônimo disse...

Obrigado pela dica Sr. Gambá, ontem capturei hum e soltei bem longe daqui, hoje já tem outro na gaiola, que funciona q é uma maravilha, eu tirei tenho até algumas fotos do bicho. Agora acho que vou poder estudar mais tranquilo de madrugada sem a festa no pavimento superior.

gustavo henrique disse...

Olá Gambá. Você se esqueceu de contar vantagem por ser o outro sobrevivente da pré história fora o Homo Sapiens e o tipití. Quanto à armadilha fiz uma quase igual mas, contrariando a fama de "cérebro-de-amendoin" teus parentes de Maricá comeram minhas iscas(e galinhas) e fugiram.

Anônimo disse...

Boa noite Gambá. Eu gostaria de saber como espantar os gambás, aqui de casa em Alphaville,onde são conhecidos como saruês, do meu forro, antes que eles entrassem nele e sem prejudicá-los. Eles podem passear pelo quintal, comer nossas frutas mas não os quero dentro dos forros da casa. Me ajude, se puder.

Anônimo disse...

Graças a Deus achei esse blog e algumas fotos de patas e fezes na internet. Desconfiava de gambás no forro do telhado e o jardineiro tentava me convencer que seriam ratos ou ratazanas e queria matar todo mundo com chumbinho. Sabia que era uma farsa desse canalha. Agora vou fazê-lo capturar os bichos, soltá-los no mato e vedar as entradas no telhado. Quase cometo um genogambacídio.

jaqueline disse...

Boa Noite! Gostaria de saber ser os gambas comem mini coelhos? Atras da minha casa tem uma mata enorme e as vezes um gamba sobe no muro e fica olhando para os coelhos, existe o risco do gamba querer ataca-lo?

Anônimo disse...

Olá Gambá, Meu nome é Artur moro no interior de São Paulo e tenho avistado gambás no destruindo o forro da minha casa. Meu pai já irritado com isso fez uma armadilha onde ele pudesse escalar e não subir novamente. Na outra manhã ele havia fugido de lá e ele ainda era um filhote. Eu e meu pai achamos que há mais membros da família de pelo forro. Mas como eu sou apenas criança não sei construir armadilhas complexas como a que você mostrou. A armadilha que fiz com a ajuda de meu pai foi onde amarramos uma corda numa parede do forro e colocamos pão lá dentro. Eu acho que ele não irá cair mais lá então , queria saber se poderia me dar uma sugestão de armadilha fácil e eficiente para eu pega-lo e solta-lo em matas que tem aqui perto.
Abraço

Fran disse...

Olá Gambá! Meu nome é Francyelle e estou com problemas. Ontem meu cachorro matou uma fêmea com filhotinhos. Infelizmente só sobrou um vivo, e estou cuidando. Não sei direito como cuidar, mas estou dando leite sem lactose a cada 3 horas e mantendo ele quentinho. Também passo um algodão úmido com água morna para limpá-lo e estimulá-lo. Ele tem uns 5 cm, olhinhos fechados e a boca quase fechada. Porém está se alimentando com o conta gotas. O problema é que ele precisa ser alimentado frequentemente, e amanhã não poderei mais cuidar dele, pois volto ao meu trabalho. Por favor me ajude, será que alguém aqui em Blumenau consegue cuidar? Você conhece algum órgão que leve a sério, e não vá matá-lo. Pois como você sabe, existe muito preconceito com a espécie. Me ajude, quero muito ajudar esse bichinho.

Anônimo disse...

Apareceu um gamba aqui no quintal, acabou com as galinhas, eu ia matar ele, confesso...mas ai ele me chamo pra toma uma pinguinha, fofocar, e falar das gambazetes, ah simpatico o bichinho. Num vo matar mais nao, viramos amigao de copo agoraa hehe

Duzão

Anônimo disse...

porra vey n axei a disgraça q tava procurand

Catingundinho disse...

Aluguei uma casa.... e adivinha o que veio de brinde no forro?
Varios gambas !!!!!
Amanha vou tentar captura-los !

Anônimo disse...

Pessoal, uma dica para quem tem um dentro de um ap e não se dispõe a fazer a armadilha, mas tem que ficar de tocaia:

1 - À noite, jogue talco ou farinha de trigo nas supostas áreas onde você suspeita que esteja entocado. Na manhã seguinte, as pegadas dirão.

2 - Arrume uma caixa de papelão bem grande de forma que ele não sinta medo de entrar e que seja cumprida, em forma de túnel. Coloque a parte aberta ao chão como porta de entrada da área onde ele está, mas de forma que você possa chegar por detrás da caixa para emborcá-la quando ele entrar, sem que o bicho te veja chegando.

3 - Compre um comedouro duplo de aço com suporte desse tipo aqui: http://www.aguiabox.com.br/detproduto.asp?utm_source=zoom&utm_medium=xml_anuncio&utm_campaign=zoom&idProduto=19414

Coloque ração para cães cujas pedrinhas sejam grandes, só uma meia dúzia para fazer bastante barulho e bote bem no fundo da caixa. Quando ele se debruçar para comer, a parada faz um barulho quando a tigela "samba" no suporte e quando caem pedaços de ração no fundo da tigela. É sutil, não o assuta, mas te avisa que ele está na área.

4 - A partir da meia noite, desligue luzes e qualquer som (TV, música, etc.). Faça silêncio absoluto, deixe um lençol ou pano à mão para cobrir a tampa bem rápido, e fita marrom de selar pacotes para fechar a caixa em seguida. Use calçado de borracha para não fazer NENHUM barulho.

5 - Assim que ouvir o barulho da tigela, espere um pouco para ele se concentrar na refeição. Então chegue bem de mansinho, para que ele não te ouça de jeito nenhum, EMBORQUE a caixa e cubra com o pano. Tem que ser vapt-vupt!

6 - Enquanto está desnorteado com a surpresa, sele a caixa com a fita. Não faça buracos na caixa, pois ele vai roer e sair. Há ar suficiente para...

7 - Levá-lo ao mato, longe de residências, assim que o dia clarear.

Boa sorte, pessoal!

Sandra Gigeck disse...

Achei um filhotinho no meu quintal dia 02.11.12, estou alimentando com leite NAN sem lactose, mel e gema de ovo. Você saberia me dizer quanto tempo tenho que alimentá-lo até poder solta-lo em seu habitat natural?

Anônimo disse...

caro amigo gamba blumenal gostarias por quantos dias um ganba é capaz de se fingi de morto se é normal ezala um cheiro muito ruim póis eu derubei um de cima da arvore ele esta ate agora sem se mecher eu gostaria de saber pois tenho medo de chega perto ele me atacar espero respostas urgente, estou preucupado com o bichinho ja faz 5 dias que ele não se meche

Manuel Cabrobó disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Manuel Cabrobó disse...

MInha contribuição: Prevenção e captura de gambás em residências.

Estes animais são considerados sinantrópicos, isto é, a espécie possui a capacidade
de utilizar condições ecológicas favoráveis criadas pelo homem.
A armadilha deve ser instalada na passagem que o animal utiliza, pois é feita de tal
forma que, quando o animal está no meio, alimentando-se da isca, as duas portas
fecham automaticamente, sendo por isso denominada de armadilha de carreiro. A isca
que pode ser utilizada é a banana, embebida em cachaça, e colocada no centro da
armadilha. Pode ser construída com uma madeira leve, como o compensado.
O disparador estará amarrado a duas cordas, que sustentarão as portas das armadilhas
abertas e um “prato” com a isca fica atrelado a este dispositivo, fazendo com que, ao
se alimentar da isca esta libere as portas automaticamente, pois o que segura as portas
deve ser um “pauzinho” que apenas mantenha as portas abertas e libere-as assim que
haja movimentação.
Após o recolhimento do (s) gambá (s), deve ser vedada toda e qualquer entrada do
sótão, a fim de evitar que outros animais da mesma espécie, ou mesmo morcegos,
pombos, etc., se utilizem do local. Preventivamente podem ser tentadas algumas
estratégias como:

a)Ter um cachorro no quintal que possa afastar os animais;
b)deixar uma lâmpada forte acesa à noite no sótão e no quintal;
c)espalhar pastilhas de formol no ambiente;
d)desinfetar constantemente com criolina ou outro produto com cheiro forte e
principalmente, vedar todo e qualquer possível acesso que possa haver no sótão;
e)tampar e lacrar todas as latas de lixo existentes na área de serviço ou quintal, para
que não haja atração de gambás e outros animais.

Gambá disse...

Boas dicas do Manoel Cabrobó. Lembrando que ao pegar o bichinho, soltar em mata nativa da sua região.

Anônimo disse...

preciso muito da sua ajuda ! já li vários tópicos aqui em cima, e muitos problemas iguais aos que estou passando! o bicho vive no forro, que tem comunicação com o sotão! e também já fez suas necessidades no forro, chegou a cair xixi no piso da sala uma vez! kkkkk existe alguma outra armadilha mais simples do que aquela de madeira?

Anônimo disse...

Obrigada pela dica ! Mas e quanto ao mau cheiro? Como eu faço? não sei se minha mãe vai fazer a gaiola , acho que terei de pegar o gambá de uma outra forma ! o que eu faço ? Menina de 10 anos aqui

Anônimo disse...

CARO SARUÊ (gambá é apenas teu primo). Além de apreciar frutas dizem que voce gosta de roer um fiozinho elétrico dos forros e destruir a fiação de automóveis. É verdade?

Gambá disse...

Não tenho conhecimento de gambas que vivem em forro roendo fiaçao elétrica. Ratos são mais propensos a isso.

Edgaldino disse...

Não é nada pessoal contra voces gambas, mais veja bem: fazer xixi no forro do quarto da minha filha e escorrer pra dentro já é demais. Táva decidido à fazer a tal armadilha, mas achei uma gaiola grande e velha e improvisei. Capturei e coloquei bem longe daqui, de frente pra uma mata.

Gambá disse...

Bom...No fim todos sairam satisfeitos. Parabéns, Edgaldino por fazer a coisa certa. abraços.

Anônimo disse...

Caro Gambá de Blumenau!
Não sou de Santa Catarina, mas já tive o prazer de conhecer sua bela cidade com pessoas cultas e educadas. És um privilegiado.
Temos uma dessas armadilhas aqui no RS. É quase uma herança de família.
Mas me diga uma coisa. Quando temos alguma infestação, ... opa!... uma presença diferenciada em nossa casa, costumamos colocar algumas bolinhas de naftalina no local para afugentar pacificamente os... os... de famílias um pouco geograficamente confusas. O que achas disso? Forte abraço.

Gambá disse...

Caro amigo Riograndense...obrigado pela visita ao blog...Quanto ao seu "problema" de infestação, realmente é complicado. A falta de predadores naturais e a adaptação ao meio urbano fez com que os amigos gambás reproduzissem em larga escala, isso em todo o Brasil. Agora, quanto ao uso de naftalina, não posso lhe dizer se funciona, mas se for para opinar, penso que não. Nossos amigos são espertos e não vão dar bola para as bolinhas. Abraços.

Anônimo disse...

Seguinte: javi ketu é fã de gamba,entao até entendo,mas é bom esclarecer as pessoas: esse bixo é um potencial transmissor de varias doenças,alem de um pé no saco quando se aloja no forro das casas.. rói tudo ke ve pela frente, inclusive a fiaçao elétrica nao ta livre disso! quando resolve fazer ninho num forro,nao sai mais,a nao ser ke seja capturado,e transforma a vida das pessoas num inferno, pois de madrugada entra em atividade correndo de um lado a outro a noite toda sem parar.. Muito legal dizer ke o bixo é bonitinho,fofinho,dengoso..mas isso é besteira! ja tive 6 gambas alojados no forro daki de casa,desmentindo o ke dizem deke esse animal tem habitos solitarios..enem preciso dizer o inferno ke passei prame livrar de todos! Nao tenho nada contra os animais,kero deixar bem claro,e acho ke lugar de bixo é na natureza,livre,eke devem ser deixados em paz..mas nao venha me dizer pra gostar desse tal de gamba..o bixo infernizante votecontar...

Anônimo disse...

Seguinte: javi ketu é fã de gamba,entao até entendo,mas é bom esclarecer as pessoas: esse bixo é um potencial transmissor de varias doenças,alem de um pé no saco quando se aloja no forro das casas.. rói tudo ke ve pela frente, inclusive a fiaçao elétrica nao ta livre disso! quando resolve fazer ninho num forro,nao sai mais,a nao ser ke seja capturado,e transforma a vida das pessoas num inferno, pois de madrugada entra em atividade correndo de um lado a outro a noite toda sem parar.. Muito legal dizer ke o bixo é bonitinho,fofinho,dengoso..mas isso é besteira! ja tive 6 gambas alojados no forro daki de casa,desmentindo o ke dizem deke esse animal tem habitos solitarios..enem preciso dizer o inferno ke passei prame livrar de todos! Nao tenho nada contra os animais,kero deixar bem claro,e acho ke lugar de bixo é na natureza,livre,eke devem ser deixados em paz..mas nao venha me dizer pra gostar desse tal de gamba..o bixo infernizante votecontar...

Unknown disse...

Olá gambá,
Em meu sítio há alguns no forro, que como descrito por outros fazem barulho, xixi que passa para o andar de baixo, etc, etc... Vou tentar pegá-los com a armadilha e soltá-lo na mata já que a casa é na beira de um rio. O problema é que não sabemos por onde entram e tenho medo de pegar algum adulto e deixar possíveis filhotes....Também tenho medo de fechar frestas e bloquear subidas pelo mesmo motivo: vá que algum fique preso lá dentro! Ele sobem paredes? E galhos de árvores bem fininhos? Vamos lá somente nos finais de semana e às vezes penso que eles tem mais direito sobre a casa do que nós, afinal estão no habitat deles (hehe), mas causam bastante transtorno. Posso fechar as entradas? Valeu, Rosângela do RS.

Unknown disse...

Olá gambá,
Em meu sítio há alguns no forro, que como descrito por outros fazem barulho, xixi que passa para o andar de baixo, etc, etc... Vou tentar pegá-los com a armadilha e soltá-lo na mata já que a casa é na beira de um rio. O problema é que não sabemos por onde entram e tenho medo de pegar algum adulto e deixar possíveis filhotes....Também tenho medo de fechar frestas e bloquear subidas pelo mesmo motivo: vá que algum fique preso lá dentro! Ele sobem paredes? E galhos de árvores bem fininhos? Vamos lá somente nos finais de semana e às vezes penso que eles tem mais direito sobre a casa do que nós, afinal estão no habitat deles (hehe), mas causam bastante transtorno. Posso fechar as entradas? Valeu, Rosângela do RS.

Anônimo disse...

Caro amigo, tenho um gamba que mora no forro do meu quarto, já nos acostumamos com ele, e não nos importamos, mas hoje a noite um cheiro muito forte parecido com tinta, tomou conta do quarto, uma coisa que até então não havia acontecido, posso culpar o gamba? O cheiro de sua urina e parecido com a tinta muito forte?

Anônimo disse...

Fiz a armadilha que vc mostra na foto, porém modifiquei o gatilho e funciona perfeitamente. Peguei 1 gambá por enquanto e soltei ele a uns 8 km de casa. Agora to armando a armadilha toda noite pra ver se consigo pegar o restante da familia, acho que deve ser uns 5 gambás... o bicho é até bonitinho.. dá dó de tirar ele daqui de casa, mas faz muito barulho e cága em cima do telhado e forro. Esse q peguei não soltou o fedor não.

Anônimo disse...

sofro com uma gambar e famila a 1 ano no telhado da minha casa mas meu pai não tira dai a pretubaçao e todo dia... o q fazer? vou amostra essa armadilha mas o telhado tem mas de uma como capturar?

Anônimo disse...

essa noite 18/06/13 completei a 5ª captura de Gambá com essa armadilha... realmente funciona 100%.

Anônimo disse...

Ola, tem um gambá em uma construção, porem está acabando e este fez um ninho lá.. queria tira-lo de la antes dos filhotes,sem machuca-los, mas não tenho e nem sei fazer armadilhas, tem um tutorial para estas?

Ana Costa disse...

Tenho uma má notícia! Minha cachorrinha acaba de matar uma gambá, cheia de filhotinhos! Droga, minha cachorra parece uma gata! Deu um bote certeiro e matou. Os filhotes eram muito imaturos, fetos mesmo, deviam estar na bolsa dela. Desculpe-me, ma nem tentei criá-los, achei mais caridoso matá-los... Tenho a impressão de que não vou mais ter gambás no forro de casa, como sempre costumo ter. A minha ferinha não vai deixar.

Anônimo disse...

Caro Gambá de Blumenau (adorei o seu pseudônimo !)

Fiquei até agora lendo todos os comentários e as suas respostas,nisso já se passaram mais de 3 horas ... rs.
Tudo isso porque,nunca tinha me envolvido com nenhum gambá,até encontrar um filhotinho de mais ou menos 8 cm,abandonado,à mingua,com muita fome e frio.E de repente me vi cuidando de um animalzinho totalmente indefeso e tão fácil de ser amado.Segundo o blog da veterinária Fernanda Fereira da UFF,especialista em gambás,eles,em hipótese alguma devem tomar leite de vaca,por conta da lactose,desenvolvendo catarata,ficando cegos e inviabilizando a sua reintegração ao seu habitat,e como o seu blog tem uma procura de pessoas querendo informações adicionais para uma alimentação adequada para filhotes creio que seria de vital importância a divulgação disso.
As opções seriam o PetMilk (encontrado em pet shops)ou o Nam sem lactose.
Fico muito feliz de ver,como você orienta corretamente,com sensibilidade e educação aos que vêm ao seu blog em busca de ajuda.
Parabéns pelo seu belo trabalho !
Luciene Fontenelle.

José Carlos disse...

Caro amigo apareceu na minha área de lazer, no terreno onde estou construindo, uma família inteira de gambas, Mãe e uns dez filhos. Fico louco de vontade de cria-los, entretanto fico lembrando que eles são da natureza. Por outro lado tenho medo que alguém ou algum cão possa pegá-los, pois e dentro da cidade.

Anônimo disse...

Olá, preciso muito de ajuda. moro do lado de um terreno baldio que é mais uma floresta e aqui em casa aparece vários bichos(sempre ligamos fazemos reclamações e não adianta). Agora o que está aparecendo aqui é um gambá enorme maior do que meu gato horrível como uma multação de rato que deu errado e ele é muito bravo à noite só ouvimos os rosnados dele e meu gato apareceu com um buraco profundo na cabeça. Estou com muito medo quase não durmo. vou ver se meu pai consegue fazer a armadilha.

Rosalinda

Anônimo disse...

gambas tem doensas que podem passar para humanos ou algum tipo de veneno

Anônimo disse...

em vez de uma "caixa armadilha" , não dá pra adaptar uma dessas casinhas de plastic que as PetShops usam para transporte de cachorros?

Anônimo disse...

Gambá come ou mata ratos ?