Conheça algumas personalidades famosas que tiveram problemas na justiça por causa do imposto de renda.

Já que dia 30 de abril acaba o prazo para entrega da declaração do Imposto de Renda no Brasil, conheça alguns famosos que foram condenados ou tiveram que pagar altas quantias para se livrarem do fisco.


Wesley Snipes.
O caso mais recente aconteceu com o astro de "Blade", no dia 24 de abril de deste ano, o ator foi condenado a três anos de prisão por sonegação fiscal de 18 milhões de dólares. O tribunal entendeu que ele propositalmente não declarou o imposto de renda de 1999 a 2001. Snipes não foi preso na hora, mas terá que se apresentar em breve para cumprir a pena. Até lá, seus advogados tentam reverter a situação.

Al Capone.
Evasão fiscal não foi o motivo da fama do gangster, mas sim o massacre do dia de São Valentin de 1929 quando matou sete membros da gangue rival. Porém, sonegação de impostos era tudo o que o FBI tinha para prendê-lo e em 1931 foi condenado a 11 anos de prisão, passando uma parte da condenação em Alcatraz. A pena foi revisada e libertado em 1939. Pagou todas as suas multas e impostos e morreu em 1947 por complicações de saúde causadas pela sífilis.

Leona Helmsley.
A milionária americana ficou famosa ao deixar 12 milhões de dólares para seu cachorro maltês quando morreu no ano passado. Em 1989 foi condenada a dezesseis anos de prisão por evasão fiscal, mas cumpriu apenas oito. No seu julgamento, um ex-funcionário provou que ela disse: "Nós não pagamos impostos. Só pobres pagam impostos".

Bóris Becker.
O tenista alemão foi condenado por fraude fiscal em 2002, quando admitiu que viveu na Alemanha de 1991 a 1993, enquanto declarava ao fisco que residia em Monte Carlo. Foi multado em quinhentos mil dólares, ficou em liberdade condicional por dois anos e pagou todos os impostos.

Mikhail Khodorkovsky.
Milionário do petróleo russo, foi preso e condenado há nove anos de reclusão em 2005, por evasão fiscal e fraude. Seus defensores afirmam que ele é vítima de uma vingança política do governo de Vladimir Putin graças às doações que fez a partidos da oposição.

Marc Anthony.
O marido de Jennifer Lopez concordou em pagar cerca de 2,5 milhões de dólares em impostos, juros e sanções, e assim escapar da prisão porque não declarou o imposto de renda por cinco anos, de 2000 a 2004.

General Augusto Pinochet.
Uma investigação do senado americano encontrou contas secretas do ditador chileno no Riggs Bank, em Washington, com vários milhões de dólares. Também descobriram que possuía 27 milhões de dólares em outras contras estrangeiras. O Governo tenta cobrar de seus herdeiros 9,8 milhões de dólares em impostos não pagos.

A lenda do Rock'n Roll foi condenado a quatro meses de prisão e mil horas de serviço comunitário em 1979, por evasão fiscal.


Luciano Pavarotti. O grande tenor foi processado por fraude fiscal em 1999 e condenado a pagar 18 milhões de dólares pelos tribunais italianos entre impostos e multas.
A atriz foi acusada de evasão fiscal em 1982 e passou 18 dias em uma prisão italiana.




Lester Piggott. O jockey inglês ganhou dezenas de grandes corridas, mas perdeu sua liberdade quando foi condenado por fraude fiscal em 1987. Passou 12 meses na prisão e perdeu o título da Ordem do Império Britânico concedido pela rainha em 1975.



Alguma coisa não me cheira bem, porque no Brasil não achei ninguém.

Fucei no
The Times.

2 comentários:

Anônimo disse...

"Alguma coisa não me cheira bem, porque no Brasil não achei ninguém."

É que aqui todos pagam os impostos certinho!!

Esse país é uma vergonha!

Peterson disse...

Te vi passando ontem na frente do SENAI =p
e tem mais um monte de amigos teus passando por la...
vimvem nos telhados.